Ultimas
A carregar...

História da STAR ALLIANCE



A Star Alliance é uma aliança de companhias aéreas global, com sede em Frankfurt na Alemanha. Foi estabelecida em 14 de maio de 1997 por cinco das principais companhias aéreas do mundo, Air Canada, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Thai Airways International e United Airlines, como a primeira aliança global de companhias aéreas para "melhor atender as necessidades dos viajantes internacionais frequentes" e hoje é a maior aliança global do mundo. O seu logo representa as cinco linhas aéreas originais que fundaram a aliança.

A Star Alliance cresceu consideravelmente desde o seu início. Atualmente a aliança possui 27 companhias aéreas membros que constituem uma malha com mais de 18,500 partidas diárias em 1,330 aeroportos nos 192 países em que atua.

Em seu 20º ano de aniversário, a Star Alliance conquistou o título de Melhor Aliança Aérea no Skytrax World Airline Awards pelo segundo ano consecutivo. O prestigiado lounge da Aliança em Los Angeles também recebeu o prêmio de Melhor Lounge de Aliança Aérea pelo terceiro ano seguido. A Star Alliance foi a primeira aliança aérea a receber o prêmio de Melhor Aliança da Skytrax quando a categoria foi introduzida, em 2005, e desde então o conquistou oito vezes.

História da Aliança
  • 1997 – A Star Alliance é fundada pela Air Canada, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Thai Airways e United Airlines em 14 de maio. Varig junta-se à aliança logo após sua criação.
  • 1999 - Ansett Australia, All Nippon Airways e Air New Zealand juntam-se à aliança.
  • 2000 - Singapore Airlines, BMI, Mexicana e Austrian Airlines juntam-se à aliança.
  • 2001 - Ansett Australia vai à falência.
  • 2003 - Asiana Airlines, LOT Polish Airlines e Spanair juntam-se à aliança.
  • 2004 - US Airways junta-se à aliança. Mexicana deixa a Star Alliance e junta-se à Oneworld. Adria Airways, Blue1 e Croatia Airlines inauguram a aliança regional da Star Alliance.
  • 2005 - TAP Air Portugal junta-se à aliança. Após a fusão com a US Airways, America West Airlines junta-se à aliança através da US Airways.
  • 2006 - Swiss e South African Airways juntam-se à aliança.
  • 2007 – Varig suspende sua filiação à aliança em 31 de Janeiro de 2007 devido a uma grande reestruturação, sendo involuntariamente expulsa por não atender às qualificações mínimas. Air China e Shanghai Airlines juntam-se à aliança.
  • 2008 – Turkish Airlines e EgyptAir juntam-se à aliança.
  • 2009 - Continental Airlines e Brussels Airlines juntam-se à aliança.
  • 2010 - TAM Linhas Aéreas e Aegean Airlines juntam-se à aliança. Shanghai Airlines funde-se à China Eastern Airlines, membro da SkyTeam e junta-se à mesma como membro afiliado.
  • 2011 - Continental Airlines funde-se à United Airlines dando origem a uma nova Holding com a marca United. Ethiopian Airlines junta-se à aliança.
  • 2012 - Spanair vai à falência. TAM Linhas Aéreas funde-se à LAN Airlines dando origem a uma nova Holding, a LATAM Airlines Group, e começa a estudar a possibilidade de continuar na Star Alliance ou se juntar à Oneworld, aliança da LAN Airlines. BMI deixa a aliança depois de ser comprada pela British Airways (Membro da Oneworld) e se junta à Oneworld. Avianca, Copa Airlines e TACA juntam-se à Star Alliance. A Blue1 passa de membro efetivo para subsidiária afiliada da Scandinavian Airlines.
  • 2013 - US Airways anuncia fusão com a American Airlines e entrada na Oneworld através da American Airlines. Devido à recente fusão com a LAN Airlines assim criando o LATAM Airlines Group, a TAM Airlines passou a fazer parte da Oneworld Alliance e sua saída da Star Alliance ocorreu no segundo semestre de 2014. Em 18 de Junho de 2013, EVA Air e sua subsidiária Uni Air, se tornam membros da Star Alliance.
  • 2014 - Entrada da Air India na Aliança em Julho
  • 2015 - No dia 25 de julho de 2015 a Avianca Brasil se torna um novo membro da Star Alliance.
  • 2019 - Avianca Brasil e Adria Airways vão à falência.

Enviar um comentário

0 Comentários