Ultimas
A carregar...

KLM e Embraer fecham acordo bilionário.


A Companhia (holandesa) fechou o pedido de compra dos jatos Embraer E195-E2 para sua subsidiária Cityhopper. No Paris Air Show a cia apresentou uma Carta de Intenções para 15 jatos, o pedido agora foi para compra de 21 jatos podendo chegar a 35 no total, o acordo vale quase US $ 2,5 bilhões para a Embraer.

A cia se tornou o segundo maior comprador do jato ( E195-E2 da Embraer) perdendo apenas para a Azul. Com uma frota de 49 jatos, se tornou também a maior operadora da Embraer na Europa. Na época o CEO da KLM o Sr. Pieter Elbers, comentou: “A Embraer tem sido um parceiro importante da KLM e da Cityhopper nos últimos dez anos. Nossos clientes apreciam os E190 e E175. O E2 seria uma adição bem-vinda à frota da KLM, oferecendo maior flexibilidade de capacidade e ajudando a gerenciar os custos baixos. Além disso, o E195-E2 ecologicamente apóia nossas metas de sustentabilidade com níveis mais baixos de ruído e emissões. ”


No comunicado de imprensa de hoje, o presidente e CEO da Embraer Sr. John Slattery, disse que a mudança para mais seis pedidos firmes dos jatos E2s da KLM será um forte voto de confiança para a Embraer. Se e quando os 14 direitos de compra forem exercidos, o pedido inteiro valerá US $ 4,28 bilhões para a fabricante brasileira.

Fala do Sr. John Slattery:
“A decisão da KLM de adicionar mais seis aeronaves a esse pedido é um voto significativo de confiança em nosso programa E2. Entregando 30% menos emissões quando comparado aos atuais E190 da KLM, e ainda oferecendo mais 32 assentos, o E195-E2 aumentará simultaneamente a capacidade da KLM no aeroporto de Schiphol com restrição de slots, ao mesmo tempo em que oferece enormes reduções de emissões. ”

As aeronaves serão configuradas com 132 assentos com previsões de entregas programadas para o primeiro trimestre de 2021, a KLM não divulgou se pretende e quando, aposentar alguns de seus E190 mais antigos à medida que os E195-E2s forem sendo entregues. Embora os E190 do Cityhopper tenham em média apenas oito anos de idade, alguns da frota têm mais de 11 anos, portanto, podem estar prontos para a aposentadoria quando esses novos jatos chegarem.

Enviar um comentário

0 Comentários