Ultimas
A carregar...

Boeing não recebe encomendas em Janeiro pela 1ª vez em 58 anos


A Boeing não registou novas encomendas de aviões em Janeiro, na primeira vez em que isso ocorre no mês desde 1962, enquanto o jato mais vendido da fabricante norte-americana, o 737 MAX, permanece suspenso após dois acidentes.

A fabricante de aviões luta com uma crise iniciada após dois acidentes com a aeronave, o último em Março do ano passado. A empresa disse que entregou apenas 13 aviões aos clientes no mês passado. Há um ano, havia registado 45 pedidos após cancelamentos em Janeiro e entregou 46 aviões.

No mesmo mês, a sua adversaria Airbus anunciou o seu maior numero de pedidos em Janeiro em pelo menos 15 anos, a fabricante europeia registou encomendas Brutas para 286 aeronaves, ou 274 encomendas liquidas, após cancelamentos.

Enviar um comentário

0 Comentários