Ultimas
A carregar...

Falha técnica faz Boeing 767 da Air Canada retornar a Madrid


Na tarde de hoje (03/02) um Boeing 767-300 da Air Canada que realizava o voo ACA837 (Madrid - Toronto Pearson) declarou emergência com aproximadamente uma hora de voo, a aeronave apresentou problemas em um dos motores e em uma das rodas do trem de pouso.

Após declarar a emergência a aeronave precisou voar por cerca de 4 horas para alijar o excesso de combustível para o pouso, no aeroporto de origem do voo (MAD), o pouso ocorreu por volta das 19:15 (horário local), os bombeiros e equipes de emergência estavam no Aeroporto de Barajas para acompanhar a aterrissagem e garantir a segurança da operação, segundo autoridades espanholas, ninguém se feriu. 



Ainda não se sabe o que causou os danos no trem de pouso e nem no motor do Boeing, a mesma passa por inspeções técnicas pela Air Canada e os passageiros estão sendo alocados em novos voos até seus destinos. Em nota a companhia informou que:

"A aeronave, um Boeing 767-300, é feito para operar com um motor, e nossos pilotos estão completamente treinados para essa eventualidade, mesmo assim, uma emergência foi declarada para obter prioridade no pouso" disse a Air Canada, em nota obtida pela agência Reuters.


Enviar um comentário

0 Comentários