Europa certifica primeiro avião totalmente elétrico


A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (AESA) anunciou hoje que foi certificado, pela primeira vez, “uma aeronave totalmente eléctrica” desenvolvida pela empresa eslovena Pipistrel Aircraft.

“Esta é a primeira aeronave eléctrica a ser certificada pela AESA, mas não será certamente a última”, afirmou Patrick Ky, director-executivo da instituição.

A certificação é um pré-requisito essencial para a entrada em serviço de uma nova aeronave.

A aeronave fabricada pela companhia eslovena, a Velis Electro, é uma aeronave de dois lugares destinada principalmente à formação de pilotos.

“É consideravelmente mais silencioso do que outros aviões e não produz gases de combustão”, sublinhou no documento Ivo Boscarol, administrador da empresa.

O avião é equipado “com o primeiro motor eléctrico certificado, o E-811-268MVLC”, segundo a agência europeia, acrescentando que a certificação, emitida em 18 de maio, foi obtida “em menos de três anos”.

O projecto de certificação foi realizado em duas partes, segundo a AESA: “em primeiro lugar, as actividades típicas de certificação relacionadas com a aeronave e, paralelamente, um programa coordenado de ensaios de voo”.

Segundo o administrador, esta certificação “é o primeiro passo para a utilização comercial de aviões eléctricos”.


Publicar um comentário

0 Comentários